locais

Gravuras Rupestres do Vale do Côa

foz-coa-parque00

O Vale do Côa é considerado como um dos mais importantes sítios de arte rupestre do mundo e é o mais importante sítio com arte rupestre paleolítica de ar livre. Aqui foram identificados cinco dezenas de núcleos de arte, ao longo dos últimos 17 quilómetros do Rio Côa, até à sua confluência com o Douro.

Estes núcleos apresentam gravuras datadas, na sua maioria, do Paleolítico superior (mais de 10.000 antes do presente) mas o vale guardou também exemplos de pinturas e gravuras do Neolítico e Calcolítico, gravuras da Idade do Ferro e dos séculos XVII, XVIII, XIX e XX, altura em que os moleiros, os últimos gravadores do Côa, abandonaram o fundo do vale.

Diferentes homens e mulheres deixaram a sua marca nas rochas, desde há cerca de 25.000 até à contemporaneidade.

Foz do Sabor

foz-do-sabor01

Descendo da estrada de Moncorvo para o rio Sabor, atravessando a ponte estamos na Foz do Sabor. Nesta aldeia do concelho de Torre de Moncorvo, encontra-se o Sabor e o Douro, dois rios que embelezam a aldeia e atraem grande número de visitantes na altura da época balnear.

Nas margens do rio Sabor, podemos encontrar barcos dos pescadores da Foz do Sabor, pois aqui comem-se uns peixinhos fritos estaladiços bem deliciosos e as tradicionais migas de peixe.

Merece a pena fazer uma visita a esta linda aldeia, pela sua beleza paisagística que o Sabor e o Douro nos proporcionam, pelos banhos na praia fluvial ou não seja para comer uns peixinhos fritos e umas migas de peixe.

Aldeia Histórica de Mós

vista-mos

Mós é uma das 17 freguesias do concelho de Torre deMoncorvo, com uma área geográfica total de 59,1km2 e dista 17 Km da sua sede de concelho.Considerada zona de caça, Mós está descrita como Área Predominantemente Rural, segundo a Tipologiade Áreas Urbanas.Trata-se de uma freguesia composta por três povoações anexas:Mós, Quinta das Centieirase Quintas das Odreiras.Na freguesia de Mós podem-se encontrar alguns vestígios de ocupação romana, como: fonte, calçada eponte romana.

Em termos demográficos, possui 309 habitantes, sendo 146 homens e 163 mulheres e uma densidade populacional de 5,2 hab/km2.

As actividades económicas principais que podemos encontrar são: a agricultura e mais recentemente a caça.

Castro da Cigadonha

castro-da-cigadonha

Consiste num povoado fortificado amuralhado em forma circular. Aqui se podem ver fragmentos que remontam à Idade do Ferro.