Aldeia Histórica de Mós

vista-mos

Mós é uma das 17 freguesias do concelho de Torre deMoncorvo, com uma área geográfica total de 59,1km2 e dista 17 Km da sua sede de concelho.Considerada zona de caça, Mós está descrita como Área Predominantemente Rural, segundo a Tipologiade Áreas Urbanas.Trata-se de uma freguesia composta por três povoações anexas:Mós, Quinta das Centieirase Quintas das Odreiras.Na freguesia de Mós podem-se encontrar alguns vestígios de ocupação romana, como: fonte, calçada eponte romana.

Em termos demográficos, possui 309 habitantes, sendo 146 homens e 163 mulheres e uma densidade populacional de 5,2 hab/km2.

As actividades económicas principais que podemos encontrar são: a agricultura e mais recentemente a caça.

Calçada de Mós

A calçada de Mós faria originalmente parte da rede viária de Vila Velha de Santa Cruz ou Derruída.

O troço que subsiste é um caminho serpenteante com cerca de 700 metros de comprimento, aberto nos sopés de um monte, fazendo uso do próprio relevo.

Para evitar a deslocação de terrenos foram colocados na vertical blocos de xisto que hoje estão bastante destruídos.

Pelourinho de Mós

pelourinho-mos

Do pelourinho de Mós existem apenas fragmentos recolhidos em 1992 num muro da aldeia e que desde então passaram a estar à guarda da Junta de Freguesia.

Castelo de Mós

Do Castelo de Mós hoje em dia apenas restam alguns troços de muralha.

Povoado fortificado da idade do ferro, foi reutilizado na época medieval para fins militares.

A Fonte de Mergulho

fonte-de-mergulho

A fonte de mergulho que se localiza num espaço rectangular lageado é de provável origem castreja.

O Fontanário público

Localizado no centro da aldeia, tornava-se local de encontro para os namorados porque as raparigas usavam o argumento da necessidade de abastacer a casa com água potável, para os namoros impedidos pelos pais.

Igreja de Mós

A Igreja de Mós ou Igreja de Santa Maria, é uma igreja renascentista com a fachada principal rematada por uma empena truncada por um campanário com duas ventanas de arco pleno,encimadas por uma cruz.

igreja-de-mos

O portal, de arco pleno sobre pilastras, é encimado por um óculo circular com gelosia em granito.

As fachadas laterais são contra fortadas, com dois contrafortes a norte e três a sul.

Capela de Santo Cristo

capela-de-santo-cristo-mos

Capela de Santa Bárbara

capela-de-santo-antonio-mos

Uma Típica Varanda Transmontana

varanda-mos

Um Recanto

Recanto acolhedor, entre vielas, onde se pode beber um copo na esplanada do "Campeão".

um-recanto

Relógio de Sol

Um relógio de sol, ainda no seu lugar, já não marca a hora. Aqui o Tempo parece ter parado e isso pode ser (ainda) uma vantagem. Há que saber acertar a hora da modernidade com a da Tradição e da História, porque isto são mais-valias de que nem todas as terras se podem gabar.

relogio-sol

Do pelourinho de Mós existem apenasfragmentos recolhidos em 1992 num muro daaldeia e que desde então passaram a estar àguarda da Junta de Freguesia.
Os sete fragmentos que se conservam dopelourinho são os seguintes: base tronco-piramidal, moldura e base da coluna decoradacom motivos lanceolados;troço do fuste nãodecorado, de superfície plana, prismático, desecção hexagonal, liso; outro troço dofuste;outro tro do fuste; moldura;capitelprismático decorado com motivos encordados;remate piramidal.